Acabei que ver o filme “Marley and Me” toda a gente dizia bem do filme e eu…….pronto toca de ir ver. É um bom filme é uma comédia mas não só e  para quem gosta de cães vai de certeza gostar bastante.
Mas aconteceu uma coisa estranha a meio do filme caiu-me uma coisa para o olho e desatei a lacrimejar………pronto vá sim chorei a ver o filme, sou um chorão eu (não consigo mentir nem a escrever…bolas) mas o filme está muito bem feito bons actores, boa historia, boas imagens aconselho…
Os mais sensíveis não se metam no cinema a ver o filme se não toda a  gente fica a olhar para vocês🙂 e se forem…levem um maço de lenços…nunca se sabe.
O filme fala sobre a simplicidade que é a amizade, mesmo que por um animal neste caso um Labrador lindíssimo (igual a um que um amigo meu têm) e sobre os laços que nos ligam para sempre e mesmo em família na adversidade esses laços nunca se cortam…são eternos….

Bom dia a todos, sejam felizes……

“Um cão não precisa de carros caros, grandes casas ou roupas de estilistas, um pau e uma tigela cheia de água serve-lhe na perfeição. Um cão não se importa se somos ricos ou pobres, brilhantes ou tolos, espertos ou lerdos. Damos-lhe o nosso coração e ele dá-nos o dele.
Quantas pessoas podemos dizer que façam isso?
Quantas pessoas nos conseguem fazer sentir raros, puros e especiais?
Quantas pessoas nos conseguem fazer sentir extraordinários?”

i

Ps – Porra acabaram-se me  os lenços…..