“Ah o amor … que nasce não sei onde, vem não sei como e dói não sei porque…”

Carlos Drummond de Andrade

E quando nós sabemos porque dói?